Psicólogos da Universidade da Carolina do Norte em Chapel Hill estudaram os preconceitos de 511 cristãos americanos para determinar como eles acreditam ser a imagem de Deus.

O resultado é um cara branco que parece ser uma mistura de todos os pastores e padres de Igreja. E se você colocar um violão na mão dele, fica ainda melhor.

Esse esboço foi alcançado graças ao experimento, que mostrou aos participantes centenas de faces aleatórias. Eles foram convidados a escolher o “rosto” de como Deus se parece.

Os pesquisadores ficaram surpresos ao descobrir que, apesar de séculos de arte retratando Deus como um homem branco idoso, as pessoas se inclinavam para um rosto mais jovem e suave.

Deus parece este jovem para maioria dos cristãos

Além disso, seus preconceitos sobre como ele se parece refletiam suas próprias opiniões políticas: os liberais viam um Deus mais feminino, enquanto os conservadores viam Deus como mais durão.

O estudo foi publicado na revista PLoS ONE.

“A tendência das pessoas a acreditar em um Deus que se parece com elas é consistente com um viés egocêntrico”, disse o professor Kurt Gray, autor sênior do estudo e professor de psicologia na Faculdade de Artes e Ciências da UNC-Chapel Hill. “As pessoas muitas vezes projetam suas crenças e traços sobre os outros, e nosso estudo mostra que a aparência de Deus não é diferente – as pessoas acreditam em um Deus que não apenas pensa como eles, mas também se parece com eles”.

O único aspecto que quebrou a regra das pessoas que se vêem em Deus foi em gênero: homens e mulheres viram um Deus masculino.

O patriarcado realmente é algo do inferno.

A imagem de Deus, de acordo com os cristãos

Deus parece este jovem para maioria dos cristãos

Leia sobre Ciência!

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pin