Pesquisadores da Escola de Engenharia Jacobs da UC San Diego desenvolveram um adesivo ultrassônico sem fio para uso no corpo que pode ser um divisor de águas para monitoramento em tempo real.

Este adesivo ultrassônico totalmente integrado e autônomo (USoP) inclui um pequeno circuito de controle flexível que se comunica com uma matriz de transdutores ultrassônicos para coletar e transmitir dados sem fio.

Um componente de aprendizado de máquina então interpreta os dados e rastreia os sujeitos em movimento, permitindo assim o rastreamento contínuo de sinais fisiológicos de tecidos profundos, com profundidade de até 164 mm. Isso significa que é possível medir continuamente a pressão sanguínea central, a frequência cardíaca, o débito cardíaco e outros sinais fisiológicos por até 12 horas seguidas.

“Essa tecnologia tem muito potencial para salvar vidas e melhorá-las. O sensor pode avaliar a função cardiovascular em movimento. Valores anormais de pressão sanguínea e débito cardíaco, em repouso ou durante o exercício, são características da insuficiência cardíaca. Para populações saudáveis, nosso dispositivo pode medir as respostas cardiovasculares ao exercício em tempo real e fornecer informações sobre a intensidade real do treino exercido por cada pessoa, o que pode orientar a formulação de planos de treinamento personalizados”, disse Muyang Lin, candidato a Ph.D. no Departamento de Nanoengenharia da UC San Diego.

Confira abaixo um vídeo da tecnologia em uso, bem como imagens do adesivo.

O adesivo ultrassônico sem fio

Veja mais sobre tecnologia!

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pin