Com a proposta de um Streaming de acesso livre ao público, o programador brasileiro Guilmour Rossi, residente de Curitiba, criou o Libreflix – um catálogo alternativo de filmes online. Tudo dentro da lei e que não consome os dados de usuários.

Guilmour tem desenvolvido o projeto desde 2016, mas agora ele está completo para acesso gratuito ao público, que pode assistir as produções apenas dando um clique no título desejado, e nada mais. Não é preciso baixar nada. Apenas acessar a plataforma e escolher o título.

Segundo a VICE, Guilmour tem planos futuros para alcançar cada vez mais pessoas e, dessa maneira, fomentar a ideia de software, cultura e streaming livres.

Libreflix: um streaming com catálogo alternativo

Uma das questões que influenciaram a ideia do programador, foi o acesso limitado do público a conteúdos mais refinados e a grande quantidade de produções de baixa qualidade imposta pela Indústria Cultural.

Isso fica evidente na diversidade que se encontra no catálogo; filmes, documentários e curta-metragens com conteúdos mais profundos e reflexivos, produções nacionais e títulos que não são de fácil acesso e acabam não sendo tão conhecidos por esse motivo.

Exemplos disso são: o documentário Observar & Absorver, de Eduardo Marinho; o filme Metropolís, de 1927 – um clássico do expressionismo alemão; e o documentário Human, que explora a humanidade para entender sua verdadeira essência.

Outro diferencial são as tags “Social”, “Ativismo”, “Feminismo”, “Educação”, “Veganismo” e outras mais.

Além de navegadores, a plataforma também se estende em Apps para Android e Windows Phone.

 

 

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pin