Justin Roiland, o criador de Ricky & Morty (entre diversas outras obras) teve uma grande chacoalhada na vida depois que surgiram acusações de abuso doméstico feitas contra ele por sua ex-namorada.

E enquanto ele enfrentava acusações criminais por um incidente ocorrido em 2020, o Adult Swim o retirou de Rick and Morty, e a Hulu o retirou de Solar Opposites e Koala Man.

Acontece que essas acusações contra ele foram retiradas recentemente e, pela primeira vez desde que tudo isso aconteceu, Roiland quebrou o silêncio. Ele disse em um post recente nas redes sociais:

“Sempre soube que essas alegações eram falsas – e nunca tive dúvidas de que esse dia chegaria. Estou grato por este caso ter sido encerrado, mas, ao mesmo tempo, ainda estou profundamente abalado com as horríveis mentiras que foram relatadas sobre mim durante este processo.

Acima de tudo, estou desapontado que tantas pessoas foram tão rápidas em julgar sem conhecer os fatos, com base apenas na palavra de uma ex amargurada tentando ignorar o devido processo e me ‘cancelar’. Isso ter dado certo, mesmo que parcialmente, é vergonhoso. No entanto, agora que o processo legal terminou, estou determinado a seguir em frente e focar em meus projetos criativos e restaurar meu nome.”

Embora essas acusações tenham sido retiradas, todos os detalhes do comportamento inadequado de Roiland no local de trabalho surgiram online de várias pessoas que trabalharam com ele ao longo dos anos.

Existem várias histórias sobre tudo isso. Pode ser que essas sejam as “mentiras horríveis” sobre as quais ele comenta em sua declaração.

A questão que fica é: as pessoas estão dispostas a trabalhar com ele novamente depois de tudo isso?

Veja mais sobre mundo geek!

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pin