Agora existem games com prescrição médica nos Estados Unidos, de acordo com um anúncio foi feito pela US Food and Drug Administration, que permitiu que o jogo EndeavorRX, da Akili Interactive, seja receitado para o tratamento de TDAH (transtorno de déficit de atenção e hiperatividade).

EndeavorRX, originalmente chamado como Project EVO, é um jogo para iPhone e iPad direcionado para crianças com oito até 12 anos de idade que apresentam sintomas de TDAH.

Ele passou por sete anos de testes entre 600 pessoas com a enfermidade, e finalmente descobriram que o jogo pode de fato fazer diferença no tratamento.

Os resultados do teste revelaram que um terço das crianças tratadas “não teve mais um déficit de atenção mensurável em pelo menos uma medida de atenção objetiva” depois de jogar 25 minutos por dia, cinco dias por semana, durante quatro semanas.

“As melhorias nas deficiências de TDAH após um mês de tratamento com EndeavorRx foram mantidas por até um mês”, cita a empresa, com os efeitos colaterais mais comuns sendo frustração e dor de cabeça – aparentemente moderados em comparação aos medicamentos tradicionais, como seria de esperar.

Games com prescrição médica é uma realidade, mas ainda é complementar

O game foi chamado de medicina virtual.

Vale lembrar, porém, que esse á apenas um tratamento e tentativa complementar para aliviar os sintomas de TDAH. E não deve ser completamente substituído por outras formas de tratamento.

De qualquer forma, é muito interessante ver que games estão sendo usados para tratamentos médicos além de distração (no caso de vítimas de queimaduras que usam realidade virtual para se distraírem da dor) ou exercícios fisioterapêuticos (como o caso do Wii).

Quando ao EndeavorRx, a missão da desenvolvedora agora é lançar o game. Quem estiver interessado nele, pode acessar o site oficial da empresa e entrar em uma lista de espera para colocar as mãos no game quando finalmente sair.

Veja mais sobre games!

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pin