Este gabinete aquário é uma criação da Gigabyte, que de fato trazem peixes reais como parte do computador.

Quando a gente acha que já viu tudo no quesito de modificações para computadores, eis que surge algo extremamente curioso como isso.

A mágica para criar esse modelo atua na densidade diferente de dois fluidos. A metade inferior é 3M Novec/Flourinert, que é comumente usado em um sistema de óleo, enquanto a superior é água normal. O primeiro é mais denso e, portanto, permanece no fundo. Por causa da diferença de densidade, os dois fluidos permanecem separados sem a necessidade de uma barreira física. Além do que os componentes eletrônicos podem funcionar normalmente imerso nesse líquido.

Algo muito inteligente de se pensar e criar.

Quando falamos em especicações, esta configuração apresenta um processador Intel Core i9-7980XE em uma placa-mãe X299 AORUS Gaming 7 PRO, uma GPU AORUS GeForce GTX 1080 Ti Extreme Edition, RAM Kingston HyperX FURY DDR4, PSU AORUS AP850GM e Andras Double Swordfish.

Como ele é um dispositivo criado originalmente em 2017, não traz placas gráficas ou processadores mais recentes e tão poderosos como podemos ver hoje. De qualquer forma, o visual e a engenhosidade é um show à parte!

O gabinete aquário da Gigabyte

Veja também: Um Wii portátil criado com peças de consoles da Nintendo

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pin