Durante uma entrevista recente à Vanity Fair, Steven Spielberg compartilhou algumas ótimas histórias e insights sobre a produção de Tubarão. Uma das coisas que ele disse foi como ele veio a dirigir o projeto e explicou que considerou o filme como uma sequência de Encurralado, seu filme anterior, também um clássico do cinema.

O cineasta falou sobre como descobriu sobre o filme Tubarão, dizendo:

“Me lembro de trabalhar na pós-produção do meu primeiro filme teatral, A Morte Pede Carona, e de ver uma prova de um livro chamado Tubarão. Isso foi muito antes do título entrar na consciência nacional – era apenas uma palavra – TUBARÃO. Perguntei se poderia ler o livro, ainda sem saber que se tratava de um grande tubarão branco, um predador nas praias de uma cidade chamada Amity. Eu não fazia ideia de que isso estava prestes a se tornar um dos maiores best-sellers da nação.”

Ele continuou dizendo que o projeto do filme foi inicialmente oferecido a outro diretor e que esse diretor já estava agendado para se encontrar com o autor do livro, Peter Benchley.

Spielberg disse: “Então, quando li o livro naquele fim de semana, não estava disponível para eu dirigir.” Ele então compartilhou o que estava pensando depois de ler o livro e como o viu como uma sequência de Encurralado:

“Mas eu li o livro. E imediatamente pensei: Uau, isso é como um filme de TV que fiz sobre um caminhão e um motorista sem sorte, chamado Encurralado. E é claro, eu sou jovem e estúpido e estou pensando, ‘Encurralado (Duel)… droga… isso tem quatro letras, e Tubarão (Jaws) tem quatro letras… e ambos são sobre esses leviatãs que atacam pessoas inocentes.’ E eu vi uma comparação tão grande entre os dois que pensei em Tubarão como uma sequência de Encurralado, mas na água.”

Cena do filme Encurralado, de 1971. (Foto: Reprodução)

O diretor ficou muito interessado no projeto e se reuniu com os produtores Richard Zanuck e David Brown, que detinham os direitos cinematográficos, para apresentar a eles seu conceito.

Ele disse a eles: “Eu sei como transformar isso em um filme. Eu sei o que cortar. Eu sei o que manter. Essa caçada ao tubarão é extraordinária! Eu sei como fazer isso.”

No entanto, o autor já estava se reunindo com outro diretor, e de acordo com Spielberg: “Foi isso, até eu receber um telefonema de Dick me pedindo para vir me encontrar com ele e David.” Foi nesse momento que eles lhe ofereceram o trabalho de direção! Spielberg continuou descrevendo o que aconteceu nessa reunião e o que aconteceu com o outro diretor:

“Eles me fizeram sentar e anunciaram: ‘Queremos que você dirija Tubarão.’ Eu disse: ‘E o que aconteceu com o diretor?’ E eles explicaram: ‘Tivemos a reunião com ele, mas ele continuou se referindo ao tubarão na frente de Peter Benchley como ‘a baleia branca.’ E Peter perdeu muito o interesse em ter seu tubarão chamado de baleia.’ E foi assim que o projeto finalmente veio até mim.”

Foi assim que Spielberg ficou envolvido em Tubarão! E o filme posteriormente se tornou um grande clássico.

Veja mais sobre cinema!

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pin