• Jon Watts revela que tem um conselho à próxima pessoa que dirigir um filme do Homem-Aranha;
  • A recomendação é sobre cenas práticas com teias;
  • Ele não retornará no quarto filme da franquia

O diretor Jon Watts trabalhou na trilogia do Homem-Aranha no MCU, trazendo à vida o Peter Parker de Tom Holland e diversos momentos icônicos para este universo cinematográfico. Agora fora da franquia, ele dá conselhos para a próxima pessoa que assumir as histórias do amigão da vizinhança daqui em diante.

Para o profissional, as cenas que envolvem as teias exigem um cuidado especial e afirma que nenhum deles é capaz de deixá-las “legais” apenas com efeitos práticos.

Eu tenho uma recomendação bem prática sobre o Homem-Aranha e eu acho que todos os diretores que trabalharam na franquia passaram por isso. Não fica legal quando alguém está só balançando em uma corda. Você acha que vai atingir o que deseja, você pensa ‘nós vamos fazer tudo de forma prática. Conseguimos um dublê. Nós balançaremos de lá para cá’. É chato. Parece estúpido. É como um macaco balançando em um cipó quando você bota alguém em uma corda. Não perca seu tempo. Este é meu conselho ao próximo diretor de Homem-Aranha

Jon Watts fora da disputa

A quarta aventura de Peter Parker (Tom Holland) nos cinemas está dentro de um grande embate entre a Marvel Studios e a Sony Pictures: enquanto Kevin Feige acredita que a história devia ser mais “pés no chão” e trazer algo simples, a Sony diverge e quer uma experiência ainda maior do que o filme “Sem Volta para Casa” – que uniu o ator com Andrew Garfield e Tobey Maguire. Até o momento não foi revelado se eles chegaram a um consenso ou se ainda discutem o assunto.

Veja mais em Cinema!

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pin